segunda-feira, 20 de novembro de 2017

O peixinho que descobriu o mar

Trabalho do Simão do 2.º D, realizado em casa com a ajuda da família. 
O Simão ouviu a história na BE, em casa trabalhou um final diferente para a mesma, escreveu em suporte digital e enviou-o por  email para a BE.
Parabéns Simão!


O Cristóbal no mar encontrou dois amigos o Nemo e a Dori. O Cristóbal não tinha casa dormia onde estava, a sua brincadeira preferida era procurar coisa nos barcos afundados mas um dia passado quase um ano, algo de extraordinário aconteceu ele encontrou os seus avós quase desmaiava mas eles estavam tristes porque os pais do Cristóbal morreram por causa de um tubarão. Quando os avós lhe disseram ele desmaiou, quando acordou viu um tubarão e pensou que talvez fosse ele que comeu os seus pais. Ele levantou-se e disse-lhe:
-Tu comeste os meus pais!? 
Ele respondeu-lhe assim:
-É claro que comi os teus pais mas tu não me fazes nada peixinho.
- Ai não!? O Cristobál pediu ao tubarão para fazer um plano e o tubarão deixou. Ele chamou a Dori e o Nemo mas a Dori fugiu e o Cristobál pediu ao Nemo para chamar reforço. Mas quando ele foi chamar reforços apareceu a Dori e mais três tubarões. O Cristobál pensava que ia desmaiar mas não desmaiou e os três tubarões foram atacar o outro tubarão e conseguiram matá-lo. Entretanto apareceu uma rede de pesca e o Cristobál, a Dori, o Nemo e os três tubarões fugiram. O tubarão mau foi apanhado e eles viveram felizes para sempre. 

Sem comentários:

Enviar um comentário

Oferta de livros às escolas

A Câmara Municipal de Valença ofereceu a todas as escolas básicas algumas interessantes obras para leitura e pesquisa. Os agradecim...