sábado, 8 de fevereiro de 2014

A minha cidade - Valença


Brasão do Município de ValençaNo âmbito das áreas de Estudo do Meio: O passado do meio local e na Educação para a Cultura, os alunos da turma B da EB de Friestas ouviram  a obra: Eu habito em ti Valença do Minho da nossa autora Rita Nicolau  e ficaram a saber mais sobre a sua cidade, conforme podemos confirmar pela leitura dos textos que elaboraram.
 Os conhecimentos sobre o passado histórico de Valença foram ainda consolidados com uma visita de estudo à fortaleza.

A  minha cidade - Valença
Eu vivo em Valença e sei que existem muralhas em forma de estrela, onde dantes os soldados combatiam os inimigos que queriam atacar Valença. Antigamente havia trapicheiras; a minha bisavó e a sua mãe eram duas delas, levavam produtos para Espanha e traziam outros de lá. As apalpadeiras e os guardas andavam sempre atentos, não era fácil escapar-lhes. Valença faz fronteira com Espanha e o rio Minho separa os dois países.
Tiago Esteves 2ºano
A minha cidade - Valença
Valença foi chamada no passado de Contrasta. É uma cidade amuralhada, na forma de uma estrela, está situada no norte de Portugal e é banhada pelo rio Minho.
Na muralha há uma praça-forte com baluartes, passagens secretas e canhões que nos defenderam de outros povos.
Valença faz fronteira com Espanha e no passado, as trapicheiras atravessavam a ponte e traziam escondido nas suas algibeiras chocolates e caramelos.
Há lendas e tradições e o seu padroeiro é o S. Teotónio, primeiro santo português, que se festeja a 18 de fevereiro.
Valença é uma cidade com história e a sua gente é amável e muito acolhedora.
Rodrigo Alves 3ºano

Sem comentários:

Enviar um comentário

DAMA PÉ DE MIM

As crianças do pré-escolar do Agrupamento Muralhas do Minho, deslocaram-se à biblioteca municipal de Valença para assistirem ao espetácul...